La Oliphant

La Oliphant

Tudo sobre: Belo Desastre

Belo Desastre: parece amor, mas é cilada

Débora Costa
28 de novembro de 2017 28/11/2017 1 Comentário

Belo Desastre: parece amor, mas é cilada

Assim como qualquer outro leitor de New Adult, eu também já fui uma completa apaixonada por Travis Maddox. Foi por volta de 2012 a primeira vez que me falaram sobre esse livro e ele ainda nem tinha chegado às livrarias. O frenesi girava em torno do enredo, um badboy tatuado que gostava de entrar em brigas clandestinas se apaixonado por uma “mocinha”, aparentemente indefesa. O conto de fadas da realidade, cheio de paixão, desejo e o OTP que todo mundo gostaria de viver.

E eu amei. A primeira vez que eu li Belo Desastre eu pensei: Travis e Abby são o casal mais perfeito que eu já vi em toda a minha vida. E por meses – ou até mesmo alguns anos – eu acreditava que eles eram o melhor shipp do gênero e que a história dele era a melhor de todas, mesmo quando a autora resolveu lançar aquela série totalmente desnecessária sobre os irmãos Maddox. Na época que eu li Belo Desastre eu tinha acabado de fazer 20 anos, pouca experiência de relacionamentos e a ideia de “príncipe encantado” fixada na mente.


Débora Costa

Débora Costa

Geminiana. Escritora de romances nas horas vagas, mas viciada em séries no dia a dia. Publicitária hiperativa de 9h às 18h. Tem Oasis em todas as suas trilhas sonoras literárias. Prefere o Goodreads ao Skoob. A maluca dos romances de época que ainda vai escrever um livro sobre viagem no tempo.

O que eu estou lendo?

O Príncipe Corvo
Elizabeth Hoyt

@laoliphantblog

Colaboradores

Vinicius Fagundes

ver todos os artigos »

Beatriz Kollenz

ver todos os artigos »

Paac Rodrigues

ver todos os artigos »

Editoras Parceiras

Compre com desconto

Assine nossa Newsletter

Últimos Vídeos