La Oliphant

La Oliphant

Resenhas

Boomerang por Noelle August

O livro no Skoob e no Goodreads.

Editora: Galera Record
Ano de Publicação: 2016
1º livro da série Boomerang
Número de Páginas: 350
Código ISBN: 9788501105783

Obs: Este livro foi cedido em parceria com a Editora para resenha.

Comprar: Submarino | Livraria Cultura | Livraria Saraiva | Amazon |


Sinopse: Uma forte história de amor proibido. Primeiro volume de uma nova trilogia romântica Mia Galliano e Ethan Vance se conhecem em um bar e a química entre eles é inegável e imediata. Uma coisa leva a outra, e na manhã seguinte Mia acorda na cama de Ethan com a maior ressaca do mundo. E aí as coisas ficam complicadas. Tanto Mia quanto Ethan estão atrasados para uma entrevista de emprego. E é quando notam a maior coincidência de todas: os dois estão competindo pela mesma vaga no departamento de marketing da Boomerang, um site de relacionamentos. Será que vão conseguir ignorar o desejo que sentem um pelo outro? E quem vai ficar com a cobiçada vaga no marketing? Lorin Oberweger, e Veronica Rossi, autora mais vendida do New York Times, são as criadoras desta trilogia romântica, por trás do pseudônimo Noelle August.

Débora Costa
23 de setembro de 2016 23/09/2016 6 Comentários

Eu acho que nunca, em toda a minha trajetória de leitora de New Adults, me senti tão entediada com uma leitura. Se você está cansado de colocar na estante livros de NA* com finais previsíveis, cenas clichés e aquela clássica atração à primeira vista, com um toque de cenas de sexo mais ou menos, então bem-vindo ao time. Quando eu escolhi Boomerang para leitura, eu realmente estava com as expectativas lá em cima, principalmente porque muitas das resenhas que eu li falavam bem do livro. Infelizmente, Noelle August aka. Veronica Rossi não conseguiu me conquistar com seu enredo.

Mia e Ethan se conheceram em um bar, e depois de muita conversa e cerveja, eles acordaram na manhã seguinte, juntos, sem lembrar de absolutamente nada do que aconteceu na noite anterior. Quando a situação não podia ficar mais estranha, os dois se veem dividindo um táxi para o mesmo lugar: a Boomerang. Logo os dois descobrem que estão competindo para a mesma vaga de emprego, mas apesar da política da empresa não permitir relacionamentos entre funcionários, ambos precisaram descobrir uma forma de conquistar essa vaga e controlar o desejo que sentem um pelo outro.

Boomerang

Previsível é a palavra que melhor define esse livro no momento. Minha expectativa era que o livro apresentasse algum drama realmente interessante, ou que pelo menos a competição pela vaga de emprego trouxesse alguma emoção ao livro, situações constrangedoras, conspirações, qualquer coisa que me fizesse querer continuar com a leitura. Mas não foi isso que aconteceu. Noelle August achou melhor ficar no básico do básico, dividindo o ponto de vista do enredo entre os dois personagens e não agregando nada que já não tenhamos visto em outros livros do gênero.

Só eu estou cansada de enredos que apresentam o mesmo tipo de narrativa? Eu sei que New Adult tem algumas características pré-definidas, mas não existe a menor possibilidade de trazer algo novo para os leitores? Quando Mia e Ethan se conhecem, sabemos logo de cara que existe uma atração inegável entre eles, e mesmo durante a competição pela vaga do emprego, essa atração continua gritante. Tão gritante que nenhum dos personagens parecem se importar com o fato de que eles são rivais e que a vaga para qual competem pode definir sua vida profissional.

Boomerang

Tudo gira em torno da tensão sexual, do relacionamento que não pode ser vivido e ignora completamente a situação emocional e até mesmo financeira de cada personagem. O enredo se desenvolve tão rápido, que você não tem nem ao menos tempo de gostar dos personagens principais juntos. Quando você menos espera, eles já estão agindo impulsivamente, cometendo erros, se perdoando e você nem ao menos sabe como tudo aquilo começou. Acho que a autora podia ter organizado melhor a história, construído seus personagens com cuidado e trabalhado melhor suas características individuais.

O resto do cenário também não agrega muito ao enredo. Os personagens secundários quase não têm presença dentro do enredo, e você não ganha a chance de conhece-los o suficiente para gostar deles. É um pouco decepcionante quando você até se interessa por alguns deles, mas não os vê mais do que em dois capítulos durante todo o desenrolar da história. Além disso, a autora escolheu um caminho totalmente cliché para o desfecho do livro, que me deixou com aquela pergunta: “Se ia acabar assim, para quê enrolar isso tudo”?

Boomerang

Foi um tanto desapontador para mim essa leitura. Principalmente porque a ideia do enredo prometia muita coisa. Eu realmente acreditei que os personagens estavam interessados no emprego, que buscavam alguma coisa além do que um envolvimento romântico. O problema é que a história faz parecer completamente “ok” desistir de tudo por um romance que ainda nem foi vivido, simplesmente por conta de uma atração avassaladora. Isso não me pareceu nem um pouco real.

Acredito que se você gosta muito desses romances “água com açúcar” e não se importa em se aventurar em enredos onde até mesmos os diálogos são previsíveis, acredito que Boomerang possa ser uma boa leitura para você. Vale lembrar que este é o primeiro livro de uma série de mesmo nome, então eu não tenho ideia do que vem pela frente, mas acho que vou dar por encerrada a minha aventura nessa série.

Débora Costa

Escritora melancólica nas horas vagas, publicitária hiperativa no dia a dia. Viciada em Oasis, uma eterna apaixonada por Beatles. Leitora compulsiva de livros de steampunk. Futura autora de um livro sobre viagem no tempo.

ver todos os artigos »



Deixe seu Comentário


Débora Costa

Débora Costa

Escritora melancólica nas horas vagas, publicitária hiperativa no dia a dia. Viciada em Oasis, uma eterna apaixonada por Beatles. Leitora compulsiva de livros de Steampunk. Futura autora de um livro sobre viagem no tempo.

O que eu estou lendo?

The Beauty of Darkness
Mary E. Pearson

Compre com desconto

@laoliphantblog


Colaboradores

Vinicius Fagundes

ver todos os artigos »

Beatriz Kollenz

ver todos os artigos »

Editoras Parceiras

Assine nossa Newsletter

Últimos Vídeos